Petiscos para cachorro

Os petiscos não são usados apenas como recompensa ou motivação durante o treinamento, mastigar, morder e roer são alguns dos principais instintos de nossos cães. Os petiscos mais duros para cães não só limpam os dentes e fortalecem os músculos da mandíbula de nossos amigos de quatro patas, mas também servem para reduzir o estresse em certas situações.

Confira as melhores Ofertas e Promoções que encontramos em Petiscos para Cães.

Desculpe. Nenhum post nesta categoria ainda

Muitas pessoas se perguntam: existe uma maneira saborosa e saudável de recompensar ou treinar meu cachorro?

Nem todos os petiscos para cães são iguais. O petisco certo para seu cão também deve ser saudável e apropriado para a idade. Existem petiscos específicos para filhotes, cães adultos e cães idosos. Como nós, devemos escolher produtos para eles que sejam livres de açúcar e aditivos químicos. Os petiscos que servem para cuidados dentários devem ser os mais duros e duráveis possível para ajudar a limpar dentes e gengivas através da mastigação e mordidas.

A mastigação para cães ativos, jovens e sensíveis é muito benéfica e deve fazer parte da rotina diária de seu cão. Desta forma, você ajudará a reduzir o estresse e incentivará a calma em seu melhor amigo.

Qual é o melhor petisco para o meu cão?

  • Petiscos para manter um bom sistema digestivo: cães com um estômago sensível se beneficiam das fibras extras e probióticos e prebióticos que estão em alguns petiscos são responsáveis por uma flora intestinal saudável.
  • Petiscos de couro: estes tipos de petiscos são ricos em ácidos ômega-3 ou ômega-6 e mantêm a pele de seu cão saudável e o pelo brilhante.
  • Petiscos odontológicos para cães: estes petiscos podem ajudar a manter os dentes limpos porque o movimento de mastigação reduz o tártaro e a placa bacteriana e fortalece os dentes e a mandíbula. Eles também podem combater as bactérias causadoras de odor.
  • Para o cuidado das articulações: petiscos ricos em vitaminas e antioxidantes fortalecem as articulações e aliviam as dores causadas pela inflamação.
  • Petiscos leves para controle de peso: se seu cão tem a tendência de engordar ou ficar acima do peso, lanches com baixo teor de gordura manterão seu peso sob controle.
  • Petiscos de treinamento: ideais para o reforço positivo no treinamento. Eles têm baixo teor de gordura e são pequenos em tamanho.
  • Petiscos naturais: são petiscos feitos somente com alimentos naturais e não contêm nenhum tipo de aditivos ou conservantes artificiais.
  • Ossos: se seu cão adora roer e mastigar, então estes petiscos duros o manterão entretido por um longo tempo.
  • Biscoitos: crocantes e baixos em calorias, eles fornecem cálcio, vitaminas e minerais para manter seu cão saudável.

O que devo levar em conta ao escolher o petisco para o meu cachorro?

Veja alguns pontos que você deve levar em consideração no momento da escolha do petisco do seu amigão:

  • Segurança: se seu cão tende a engolir o alimento muito rapidamente, escolha lanches que requerem mastigação prolongada e são maiores do que a boca dele. Isto evitará que seu cão se engasgue ao comer muito rápido.
  • Equilibre a ingestão calórica: ajuste a quantidade de petiscos à ração alimentar de modo a não exceder a quantidade de calorias por dia.
  • Leve em consideração os gostos de seu cão: conheça as preferências e a personalidade de seu melhor amigo. Por exemplo, se seu cão tem problemas dentários e gengivas sensíveis, é melhor evitar lanches muito duros, também é uma boa ideia oferecer-lhe vários petiscos e descobrir de qual ele gosta mais.

Doenças dentárias em cães

Boa parte dos animais com mais de 3 anos de idade sofrem de doença periodontal, que é a doença que afeta os tecidos que sustentam o dente. O aparecimento da doença é geralmente causado pela placa bacteriana, uma camada de bactérias e proteínas salivares que se formam nos dentes; quando esta placa se acumula e calcifica-se, ela se torna tártaro. Mais tarde, a condição dental pode levar a uma fina linha vermelha ao longo da gengiva e sangramento, indicadores de gengivite. Neste ponto, você precisa agir rapidamente antes que a doença periodontal se desenvolva completamente e acabe produzindo danos irreversíveis, como perda de gengivas ou massa óssea. Em casos mais avançados, a doença periodontal pode se espalhar para doenças cardíacas, renais e hepáticas.

E aí? Já sabe qual o petisco será o escolhido?

Enable registration in settings - general
Comparar itens
  • Total (0)
Comparar