Saiba como preparar sua casa para receber um filhote de cachorro

a imagem mostra uma pessoa fazendo carinho na barriga de um cachorrinho filhote na cor marrom.

A chegada de um cachorro em casa é um momento especial, mas também delicado. É normal que ele tenha medo, portanto preparar a casa com antecedência é muito importante para o sucesso desse primeiro contato com a sua nova casa.

Você precisa entender que uma casa pode ser um lugar perigoso para seu filhote. Mesmo que a casa seja segura para nós, um cachorro jovem tenderá a morder qualquer coisa em seu caminho.

Precisamos cuidar de todos os detalhes, prestando atenção à segurança e assegurando que a casa seja confortável para o cão que começará sua vida com a nova família.

Como preparar a casa?

  • Fios e cabos de energia/internet: não deixe nenhum fio ou cabo ao alcance do seu filhote, pois assim que ele o ver, provavelmente tentará mordê-los.
  • Produtos químicos: armazene os produtos químicos em lugares altos ou em armários que fiquem fechados.
  • Objetos pequenos: filhotes não passam de bebês caninos, logo, eles colocarão na boca qualquer objeto pequeno que encontrarem e o engolirão.
  • Baixe a tampa do vaso sanitário: isto é importante para cães médios e grandes. Se o seu cachorro encontrar o assento do vaso sanitário com a tampa aberta, ele será tentado a beber a água.
  • Plantas: não deixe nenhuma planta ao alcance do seu filhote, pois além de correr o risco de que ele a destrua, ainda existem algumas plantas que são tóxicas para os cães, podendo causar problemas estomacais e até levá-los a óbito.
  • Onde ele vai dormir: é essencial que você já tenha uma cama preparada e posicionada onde você deseja que ele durma. Ela deve estar localizada em um lugar tranquilo, onde não haja ruídos ou correntes de ar. Nas primeiras noites você pode escolher colocar a cama dentro de uma caixa de papelão. Isto o fará sentir-se mais protegido enquanto se adapta à sua nova casa. Recomendamos também acrescentar um cobertor para tornar sua área de dormir mais confortável.
  • Brinquedos: evite brinquedos de pelúcia, os filhotes podem engoli-los e acabar se engasgando. Opte por brinquedos específicos para filhotes, para que ele tenha o que morder, caso contrário, ele morderá o que encontrar pela frente... móveis, chinelos.
  • Alimentadores e bebedouros: evite os de plástico, os de metal ou vidro são mais higiênicos.

Quando tiver tudo pronto, você pode ir buscar seu mais novo filhote e começar a convivência cheia de aventuras e muito carinho!

Comentários